quinta-feira, 24 de novembro de 2011



 VICENTE RIBEIRO SOBRINHO
         (SENHORZINHO RIBEIRO)
Vicente Ribeiro Sobrinho, (Senhorzinho Ribeiro), nasceu no dia 03.08.1909, no Sitio Pau Seco, em Juazeiro do Norte. Era filho de Porfírio Ribeiro de Matos e Maria Bezerra de Menezes. Seus avós paternos chamavam-se Antônio Félix Ribeiro e Maria Félix Ribeiro. E seus avós matemos, Joaquim Micena Bezerra e Ana Bezerra de Menezes. Filho de agricultor pobre, logo cedo, Senhorzinho começou a trabalhar também, na agricultura, ao lado do velho Porfírio de Matos, seu pai. Com sete anos de idade, inicia seus estudos, ou seja, As primeiras letras, não chegando a concluir o 4º Ano Primário. Menino, ainda, inicia o ofício de sapateiro com um tio que chegara de Alagoas. Nesta arte, trabalhou até 1931. Aos 26 anos de idade, casou-se com uma prima legítima, Eliza Bezerra Magalhães. O enlace matrimonial ocorreu no dia 10 de julho de 1937. Desse consórcio, nasceram oito filhos: Benjamim, Bosco, Tibério, Ney, Socorro, Ademilde, Neide e Tereza. No ano de 1950 foi eleito vereador pela legenda da União Democrática Nacional, (UDN), ao mesmo tempo em que se estabeleceu com uma modesta bodega, na época, "venda". Em 1955, foi nomeado pelo então Prefeito Municipal, José Geraldo da Cruz, agente de um Posto Fiscal, juntamente com seu irmão, José Porfírio. Após o mandato do Prefeito José Geraldo, Senhorzinho volta às atividades no seu pequeno e antigo comércio. Não tendo mais condições de sustentar a família com o produto do simplório e modesto comércio,ele teve que enfrentar o ramo de confecções nos Estados da Bahia e de Minas Gerais, juntamente com Dona Eliza, sua inesquecível esposa. Foram 20 anos de viagens ininterruptas. De ingentes sacrifícios. De durezas. De lutas. Batalhando e aspirando dias melhores, pois a família àquelas alturas, estava crescendo, exigia, portanto, um esforço redobrado, o que efetivamente aconteceu. Autodidata, Senhorzinho Ribeiro legou aos pósteros três obras memoriais, com as quais ficou muito mais conhecido.
(1)   RIBEIRO (Sobrinho), Senhorzinho (Vicente). – 1992 - Juazeiro em corpo e alma. Juazeiro do Norte: Gráfica Royal Ltda., 180p. ilus. (cuja segunda edição saiu em 1994).
(2)   RIBEIRO (Sobrinho), Senhorzinho (Vicente). – 1996 - Juazeiro no túnel do tempo. Juazeiro do Norte,CE: HB Editora e Gráfica, 168p. ilus.
(3)   RIBEIRO (Sobrinho), Senhorzinho (Vicente). – 2007 - Juazeiro de ontem e de hoje. Juazeiro do Norte,CE: Gráfica e Editora Royal Ltda., 262p. ilus.
Por sinal, esta última obra foi póstuma.
Senhorzinho também era poeta de cordel e dele se conhece pelo menos um folheto sob o título de A Vida do Sertanejo Pobre, sem data, 8p.
Senhorzinho Ribeiro, viveu os últimos anos de sua vida com uma parca aposentadoria, não obstante, muito feliz, pois gozava de saúde, de paz de espírito, tinhas uma "carrada de amigos" que o estimava e respeitava, enfim, era um velho muitíssimo conceituado nesta terra. Ao lado dos fi1hos, viveu e faleceu em Juazeiro do Norte, em 26.11.2004.
Em sua homenagem, o prefeito municipal de Juazeiro do Norte, através da Lei 2857, de 20.12.2004 denominou Rua Vereador Vicente Ribeiro Sobrinho a segunda paralela Leste à Rua José Maurício Teixeira de Menezes, início na Rua José Antonio Severino (José Preto), sentido Norte/Sul, no Loteamento Novo Milênio, (Bairro Brejo Seco). (Vejam o mapa e a imagem de satélite, pelo Google Earth, 2011).

Um comentário:

Eliza Toscano disse...

Parabéns pelo histórico do vovó, ele merece todo reconhecimento! Temos muito orgulho dele e do seu trabalho!
Eliza Toscano Ribeiro, filha de Francisco Ney Bezerra Ribeiro.