quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Juazeiro sediará encontro de turismo religioso


01 Memorial.JPG 

O Memorial Padre Cícero será palco nos três primeiros dias de setembro do IV Encontro Nacional das Cidades Históricas e Turísticas e IV reunião do Grupo de Trabalho do Turismo Religioso. Por sugestão do prefeito Manoel Santana, Juazeiro do Norte foi escolhida como sede e foi um dos agentes motivadores da reforma do Memorial que inaugurou no último dia 3 de junho. Por parte da Secretaria de Turismo e Romarias está tudo pronto com vistas ao evento.  O interesse pelas peregrinações religiosas em Juazeiro do Norte e a contextualização do Geopark Araripe motiva os participantes do evento que será aberto às 9 horas desta quinta-feira, dia 1º de setembro. O prefeito Manoel Santana, a representante do Ministério do Turismo, Sáskia Freire Lima de Castro, e o titular da Setur, José Carlos dos Santos, abrirão o Encontro Nacional de Cidades Históricas e Turísticas. Logo após, acontece a primeira palestra sobre o tema: “Políticas Públicas de Acesso à Cultura: avanços e desafios de programas de fomento e incentivo” a cargo do Diretor de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura, Kléber da Silva Rocha.  No período da tarde, o representante da Prefeitura de Paranaguá (PR), Dayanny Pires, fará uma apresentação sobre a “Mobilidade e Acessibilidade em Sítios Históricos: o Plano de Paranaguá”. O Cariri entrará em cena logo depois com uma apresentação sobre o papel do Geopark Araripe no desenvolvimento turístico regional pelas palavras da Reitora da URCA, Otonite Cortez e a Secretária Executiva do Geopark, Flávia Lima. Em seguida haverá um debate aberto sobre o primeiro dia, encaminhamentos e o recebimento de sugestões.  Para o dia 2 de setembro, uma sexta-feira, está reservado a IV reunião do Grupo de Trabalho de Turismo Religioso a partir das 9 horas com abertura por Sáskia Freire do Ministério do Turismo. Após um painel sobre as experiências do Turismo Religioso no Brasil, a Irmã Annette Dumoulin, Coordenadora Diocesana da Pastoral de Romaria em Juazeiro, falará sobre as romarias na terra de Padre Cícero. Enquanto isso, Josemeire Nogueira Pinto e Sílvia Letícia Carvalho Alves, da Secretaria de Cultura e Turismo de Cametá (PA), destacarão o trabalho da Igreja em torno do Turismo Religioso.  Por sua vez, o Presidente da Associação do Circuito Turístico dos Lagos em Uberaba (MG), Manoel Pedro Leal, abordará o Turismo Religioso Espírita e a Assessora Técnica da Superintendência de Serviços Turísticos da Secretaria de Turismo do Estado da Bahia, Maria Eloisa de Castro Caldeira, discorrerá sobre o desenvolvimento do Turismo Étnico Afro em Salvador.  No primeiro momento da tarde de sexta-feira agenciadores de viagens comandarão uma mesa de debates sobre as Tendências de Mercado no Turismo Religioso. Em seguida o Padre Carlos Chiquim, Coordenador Nacional da Pastoral do Turismo e Turismo Religioso da CNBB participará de outra mesa redonda. Depois, haverá uma plenária do Grupo de Trabalho do Turismo Religioso, apresentação da Associação de Turismo Religioso em formação e encaminhamentos para o próximo ano. O sábado constará de visitas técnicas ao geotopes do Geopark Araripe e principais pontos de atração turística no Cariri. (Demontier Tenório)





 

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Geopark Araripe discute turismo e desenvolvimento regional

 O Geopark Araripe participará do 4º Encontro Nacional das Cidades Históricas e Turísticas com a mesa redonda "O papel do Geopark Araripe no desenvolvimento turístico regional". O evento, realizado pelo Ministério do Turismo e prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte, através da Secretaria de Romaria e Turismo, ocorre nos dias 01 a 03/09, no Memorial Padre Cícero.

A mesa redonda está marcada para o dia 01/09 das 15h00 às 16h30, com a proposta de trazer casos práticos à discussão. Em paralelo ao evento também acontecerá a 4ª Reunião do Grupo de Trabalho de Turismo Religioso. Para o dia 03 está prevista uma visita técnica para os participantes do evento.

O objetivo desses encontros é debater temas de interesse comum, elaborar propostas e socializar experiências para o desenvolvimento do turismo nas cidades históricas, para enfrentar as dificuldades do setor de forma estratégica. O evento é aberto ao público e as inscrições podem ser feitas na hora do evento. Participam da mesa de debates sobre o Geopark, a Reitora da URCA, Professora Otonite Cortez, e a Secretária Executiva do Geopark Araripe, a geóloga Flávia Lima. (Assessoria do Geopark Araripe)



--
Daniel Walker
Editor de: 

domingo, 28 de agosto de 2011























Este portal do Padre Cícero foi captado pela câmera de nossa colaboradora Pautília Ferraz quando ela transitava pela estrada de Jardim, Ceará, no alto da Chapada do Araripe. Segundo sua descrição: "Infelizmente não há nenhuma identificação neste lugarejo, mas é surpreendentemente bonito, no meio da Chapada do Araripe".

HOMENAGEM AO CORDEL.



Em homenagem a estes baluartes da poesia de cordel pura ,que muitos desinformados a chamam  de poesia matuta, envio estes pequenos versos e informo que estou na programação do Centenário com um cordel intitulado-A gande Batalha de Juazeiro contra o Crato a ser publicada brevemente.

                    Iderval  Reginaldo Tenório
                          driderval@bol.com.br

Meu amigo Daniel
Cabra macho sim senhor,
Minha mestra Valdeci
Poetisa de valor,
Defendendo  Juazeiro do Norte
E a saudando com fervor,
Torço e vibro por cada um
Na Bahia, em Salvador.

Todo dia quando acordo
vejo os  jornais na Internet,
Clico logo no JUAONLINE
Pois as informações lhe compete,
Sei tudo do Juazeiro do Norte
Deste Jornal sou tiete,
Viva o nosso Padre Cícero
Somos todos de sua claquete.

         Um abraço e acessem, divulguem um blog cultural



UM DOUTOR INVOCADO
     ESTE ARTIGO FOI ENVIADO A ESTE MORTAL POR UM DOS GRANDES AMIGOS DE INFANCIA, JORGE LUIZ MARQUES, IRMÃO DO GRANDE DANIEL WALKER, QUANDO O MESMO  FEZ UMA VISITA A SALVADOR E FOI ATÉ O MEU SIMPLES CONSULTÓRIO PARA UM DEDO DE PROSA. FOI UM EMOCIONANTE  ENCONTRO. JORGE MORAVA EM ARACAJU, ME TELEFONOU E EU FUI ATÉ O HOTEL, PASSEAMOS PELA ORLA  DE SALVADOR, EU, JORGE E A SUA ESPOSA. PARAMOS NA CLINICA E FOI FEITO A TÃO ESPERADA CONSULTA. DOIS MENINOS EM 1968 E HOJE UM MÉDICO E UM ENGENHEIRO. DOIS IRMÃOS NA INFANCIA, DOIS AMIGOS NAQUELE DIA, FOI O ÚLTIMO ENCONTRO, DOIS ANOS DEPOIS DEVIDO A SUA EXTREMA BONDADE, O AMIGO FOI CHAMADO POR DEUS.
IDERVAL REGINALDO TENÓRIO

À LEITURA.
Título: DR .IDERVAL, UM  INVOCADO!!!

    Dr. Iderval é mesmo um doutor diferente... No início foi assim: ele foi ao hotel Íbis em Salvador, me pegou com minha esposa Sandra para mostrar um pouco da cidade de Salvador, depois levou a gente para seu consultório médico, que ele abriu especialmente para nos atender. Comecei então a ver as coisas diferentes, que esse doutor tem: A decoração do seu consultório médico toda invocada com quadros com pensamentos, fotos, desenhos artísticos e uma variedade de peças folclóricas, artesanais, históricas e literárias, enfim um verdadeiro acervo de arte e cultura nordestina.
   O espanto foi grande, que eu e minha esposa sentimos quando o doutor mandou a gente sentar em duas cadeiras, e ele sentou no birô, colocou uma música nordestina que o som saia num rádio antigo do tempo da vovó, foi bom de mais!!! Por que lembrei dos programas de rádio que eu ouvia antigamente na rádio Araripe de Crato com o locutor Eloi Teles e na Rádio Progresso de Juazeiro do Norte com o locutor João Sobreira.
   Eu já não me sentia doente, nem me lembrava do problema de saúde no meu fígado quando o Dr. Iderval se transformou num poeta nordestino, começou a recitar poesias e contos de literatura de Cordel. A cada poesia que ele lia, algumas até decoradas, eu e Sandra chorávamos de emoção e riamos de alegria ao ver aquela interpretação artística perfeita com sua voz de matuto nordestino, a cada declamação eu sentia voltar ao passado que ele estava me mostrando num cenário, onde sentia a presença de Luiz Gonzaga, Patativa do Assaré, Padre Cícero, Lampião, Maria Bonita, Romeiros nordestinos de chapéu de palha, Meu Mano e sua Banda de Pífano, e no fundo do cenário a cidade de Juazeiro do Norte, a Serra do Horto e a Chapada do Araripe. Nunca tive na minha vida um momento saudoso como aquele para me lembrar junto com meu melhor amigo de infância o meu passado tão feliz e inesquecível que desfrutei na cidade de Juazeiro do Norte.
                                                            Escrito por Jorge Luiz Almeida Marques.
                                                            Para: Dr. Iderval Reginaldo Tenório.
                                                                           Salvador, 2008,janeiro

Festa de Nossa Senhora das Dores


Programação
A partir do dia 29/08:
Todas as noites na Basílica - Devocionário de Nossa Senhora às 18:30h e Missa às 19:00h.
A partir do dia 08/09:
Ao meio dia na Basílica - Coroa das Dores, Maria Valei-me e Benção do Santíssimo Sacramento. Missas: De 10/09 a 14/09. Na Basílica nos horários de: 06:00h, 09:00h, 16:00h e 19:00h. Na Capela do Socorro nos horários de: 07:00h, 10:00h, 15:00h e 16:30h. Confissões: antes das missas. No dia 13/09: Missa de Nossa Senhora de Fátima ao meio dia na Capela do Socorro. Missas do dia da Padroeira (15/09): Na Basílica (06:00h, 09:00h e 15:00h e na Capela do Socorro somente as 07:00h) Na Praça do Romeiro: Show do Chapéu - De 10/09 a 14/09 após a Missa. Na barraca da padroeira: Quermesse e Bingos".
DIA 28/08-DOMINGO |
ABERTURA 04:40h: Alvorada festiva e repique do sino" 05:00h - Missa na Basílica O6:00h-Café Comunitário na Praça do Romeiro O8:00h-Carreata conduzindo a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da Basílica pelas ruas de Juazeiro ll:30h - Benção dos Veículos. 12h- Ofício de Nossa Senhora na Basílica 17:30h - Procissão saindo da Colina do Horto conduzindo a Bandeira de Nossa Senhora das Dores até a Basílica 18:30h - Hasteamento das Bandeiras de Nossa Senhora das Dores e dos Estados do Nordeste 19:00h - Concelebração Solene de Abertura da Festa. Presidente: Pe. Joaquim Noitários: Setor Pe. Cícero (Comunidades da Rua do Horto e Pastorais) - Colina, Pedra do Joelho, Sítio Catolé, São João Batista, Poço de Jacó, José Vitalino, Santa Clara, Areia Grossa, Logradouro e Comunidades Vizinhas. Pastoral da Saúde, Consciência Negra e demais Movimentos. 20:00h - Quermesse e Show com os Cantores do Centenário
DIA 29/08 - SEGUNDA-FEIRA
Noitários: Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, Pastoral da Criança, Pastoral Catequética (Crianças, Jovens e Adultos) e Comunidade Shalom. 18:00h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da Casa da Comunidade Shalom. Rua: Dr. Floro, 263. 19:00h - Missa na Basílica, presidente: Pé. Francisco Luiz
DIA 30/08 - TERÇA-FEIRA
Noitários: Paróquia do Sagrado Coração de Jesus e Colégio Salesiano, Setor Beata Maria de Araújo.
18:00h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da residên¬cia de José Maria e Luzimar Santana. Rua: Santa Cecília, 1023
19:00h- Missa na Basílica: Pe. Marques e Pe. José Pereira
DIA 31/08 - QUARTA-FEIRA
Noitários: Paróquia São Pedro de Caririaçú, Setor Beata Mocinha, Grupo Javé-Yré e Divina Misericórdia. 18:00h - Caminhada com a  Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da Residência do Sr. Arnaldo e D. Ana. Rua: Presidente Vargas, 143 - Salesianos 19:00h - Missa na Basílica, presidente: Pé. José Cláudio
 1º/09-QUINTA-FEIRA
Noitários: Funcionários da Paróquia Nossa Senhora das Dores, Setor Beato José Lourenço, Terço dos Homens e Apostolado da Mãe Rainha
18:00h-Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da residência de D. Railda e Família. Rua São Francisco, 488 19:00h -  Missa na Basílica, presidente: Pé. Antônio José
DIA 02/09-SEXTA-FEIRA
Noitários: Setor Isabel da Luz, Sociedade São Vicente, Senhoras de Caridade, Pastoral
da Família, Pastoral da Pessoa Idosa e Pastoral da Sobriedade.
18:00h - Caminhada  com  a  Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da Capela de São Vicente
19:00h - Missa na Basílica presidente:
Pe. Edmilson Neves (Crato)
03/09 - SÁBADO
Noitários; Paróquia Nossa Senhora Aparecida, Setor Beato Sabino. 18:00h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da residência Claudionor e Sandra. Rua: Do Rosário, nº 114
19:00h - Missa na Basílica: Frei Antônio e Pé. José Ricardo
04/09 - DOMINGO
Noitários: Setor Beata Maria das Dores, Escola Fé e Vida, Escola Bíblica e ECC, Artesãos (os que trabalham com gesso, madeira, tecido, palha, tela, fibra, etc). 18:00h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da residência de Naldinho e Zete. Rua: Das Dores, 283.
19:00h - Missa na Basílica, presidente: Pe. João Medeiros
 DIA 05/09 - SEGUNDA-FEIRA
Noitários: Sociedade Pe. Cícero (Responsáveis: Sr. Expedito e Edna), Comunidades dos Setores São Joaquim e Sant'Ana e Setor Coração de Jesus: Tabuleiro, Sítio Novo, Carnaúba, Palmeirinha, Massapê, Sítio Cabeça da Vaca, Riachão, Riachão dos Pereiras, Pelo Sinal, Conjunto Nossa Senhora das Dores, Vila Jaime de Melo, Vila Três Marias e Comunidade Sal da Terra. 18:00h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da Sociedade Pé. Cícero (próximo a Biblioteca Municipal) e outra Caminhada saindo da Vila Três Marias.
19:00h - Missa na Basílica, presidente: Pe. Elias Ribeiro (Abaiara)
DIA 06/09 - TERÇA-FEIRA
Noitários: Paróquia São José do Limoeiro, Devotos da Hora da Graça, Confraria do Socorro, Capela do Socorro, Capela São Vicente, Capela do Abrigo Nossa Senhora das Dores, OVS. 18:00h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da Capela do Socorro
19:00h - Missa na Basílica, presidente: Pe. José Adelino
DIA 07/09 - QUARTA-FEIRA
Noitários: Paróquia Menino Jesus de Praga, Legião de Maria, Grito dos Excluídos, Nossa Pátria (Independência do Brasil), FAC - Comunidade Filhos Amados do Céu, Escolas e Educadores de Juazeiro do Norte e Estado do Ceará. 18:00h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da residência da Sassá e Soraya. Rua: Francisco Dias Ferreira, 620-Bairro Tiradentes l 19:00h- Missa na Basílica: Pe. Monteiro e Pe. Leonardo
DIA 08/09 - QUINTA-FEIRA (Natividade de Nossa Senhora)
Noitários: Grupo São Geraldo (Sr. Tico de Sousa e D. Tarcília Souza e Família), Nenem Cabral e Família, Irmandade do Santíssimo Sacramento, Sindicato dos Mototaxistas, Taxistas e todos os motoristas de Juazeiro do Norte, Estados do Piauí e Sergipe.
18:00h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da residência de Nenem Cabral. Rua: São Jorge, 239.
19:00h - Missa na Basílica, presidente: Pe. Joaquim Ivo (Missão Velha)
DIA 09/09-SEXTA-FEIRA
Noitários:   MECE,   Pastoral  do  Dízimo, Mercado Central e Estado da Bahia 16:30h - Missa  no  Mercado Central. Resp. Francisco e Tânia
18:00h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da residência do Sr. Antônio Domingos e Lenira. Rua: Santa Rosa, 937 e outra Caminhada saindo do Mercado Central 19:00h - Missa na Basílica, presidente: Pé. Paulo Lemos (Santana do Cariri)
INÍCIO DA ROMARIA
DIA 10/09 - SÁBADO
Noitários: Paróquia São Francisco, Colégio Medalha Milagrosa, Comunidade Sagrada Família, Terço dos Homens da Paróquia São Francisco, Estados do Maranhão e Tocantins 18:00h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo do Colégio Medalha Milagrosa (Resp.: Hélio e Ana Fechine). Rua: São Bento, nn032 19:00h - Missa na Basílica, presidente: Frei Barbosa
DIA 11/09-DOMINGO
Noitários: Fundação Leandro Bezerra, Carroceiros, Família Bezerra de Menezes e Homenagem do Estado de Pernambuco a Nossa Senhora
17:30h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores (Procissão dos Carroceiros) saindo da Fundação Leandro Bezerra. Rua: São Pedro, S/N 19:00h - Missa na Basílica, presidente: Pé. Lucena - Reitor do Seminário Propedêutico Nossa Senhora de Lourdes (Surubim / Diocese de Nazaré da Mata - PE)
DIA 12/09 - SEGUNDA-FEIRA
Noitários: Paróquia São João Bosco, Comunicadores (radialistas, jornalistas e repórteres),   Poetas,   Repentistas,   violeiros, Confraria de Nossa Senhora do Carmo e Estado do Rio Grande do Norte 15:00h - Encontro com os Romeiros no Círculo Operário São José 18:00h - Caminhada  com  a   Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da residência de Juscelino. Rua: Manoel Tavares, 253-Bairro Vila Real 19:00h - Missa na Basílica, presidente: Pe. Valdênio Nergino
DIA 13/09-TERÇA-FEIRA
Noitários: Apostolado da Oração, SIN-DILOJAS, CDL, Industriários, Empresários, Lojistas e todos os Comerciantes de Juazeiro, Pastoral Diocesana de Romarias, Sanfoneiros, e Estado da Paraíba 09:00h - Missa em Homenagem as Crianças Romeiras
18:00h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da residência de Marcos Tavares e Ana Maria Tavares. Rua: Pe. Cícero, 246 12:00h - Missa na Capela do Socorro (Nossa Senhora de Fátima)

15:00h - Encontro com os Romeiros no Círculo Operário São José 19:00h - Missa na Basílica, presidente: D. Fernando
DIA 14/09 - QUARTA-FEIRA (Exaltação da Santa Cruz)
Noitários: Prefeitura Municipal, Secretarias e Poderes: Executivo, Legislativo e Judiciário, ex prefeitos de Juazeiro (vivos e falecidos) e Homenagem do Estado de Alagoas a Nossa Senhora Homenagem: Ao Mons. Murilo de Sá Barreto que ao longo de 48 Anos à frente da Paróquia de Nossa Senhora das Dores, foi voz profética em prol do Pé. Cícero, dos Romeiros e das Romarias e também uma homenagem aos romeiros falecidos em viagem a Juazeiro do Norte ou voltando para suas casas
09:00h - Missa em Homenagem a Juventude Romeira
15:00h - Encontro com os Romeiros no Círculo Operário São José 16:00h   -   Procissão   dos   Carros   de Romeiros
17:30h - Caminhada com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da Prefeitura Municipal na Rua São Pedro, s/n 19:00h - Missa na Basílica, presidente: D. Fernando
DIA 15-QUINTA-FEIRA | ENCERRAMENTO
05:00h - Canto do Ofício de Nossa Sen¬hora na Basílica 06:00h - Missa
09:00h - Concelebração Solene do dia de Nossa Sra. das Dores Presidente: D. Fernando 12:00h - Despedida do Romeiro na Basílica 15:00h - Missa na Basílica 17:00h - Solene Procissão com a Imagem de Nossa Senhora das Dores saindo da  Basílica pelas Ruas: Pé. Cícero, Alencar Peixoto, São Pedro e Praça do Romeiro. 18:00h - Encerramento com a Benção do Santíssimo Sacramento na Praça do Romeiro 18:30h - Show Pirotécnico do Centenário. 
As fotos abaixo mostram o momento da carreata


sábado, 27 de agosto de 2011


No Juazeiro Centenário a cena mostrada acima é praticamente impossível, mas no Juazeiro de antigamente carros de boi trafegando ruidosamente pelo centro da cidade era coisa comum. Atualmente ainda é possível encontrar carroças puxadas por jumentos em pleno centro. Na foto o carro de boi passa em frente à Casa Neri, no cruzamento das ruas Santa Luzia com São Pedro, uma das mais tradicionais firmas comerciais de Juazeiro do Norte, hoje inexistente. No seu local hoje funciona a Farmácia Pague Menos e também já funcionou o Banco do Ceará (Bancesa).

Agora este blog também pode ser acessado através deste endereço mais curto e mais fácil de decorar:













Um dos maiores líderes estudantis de Juazeiro do Norte de todos os tempos foi sem dúvida alguma Francisco Rocha da Silva, conhecido popularmente por Rochinha. Ele nasceu em Milagres, Ceará, mas foi aqui que se destacou tanto na vida estudantil como na política. Rochinha foi um dos mais competentes e dinâmicos presidentes do Centro Estudantal Juazeirense, o famoso CEJ, o qual foi, nas décadas de 1960 e 1970, uma das mais importantes e influentes entidades classistas juazeirenses. Rochinha era um líder estudantil nato e deixou a presidência do CEJ elegendo seu sucessor, Antônio Vieira Leite. Bacharel em Direito foi Secretário da Junta de Conciliação e Julgamento, em Crato, eleito vereador em Juazeiro do Norte em cinco sucessivos mandatos, no período de 1967 a 1988. Na Câmara Municipal ocupou os cargos de 1º Secretário e de Vice-presidente. Nas montagens fotográficas abaixo vemos Rochinha em momentos sociais, estudantis e políticos. Ele é uma das muitas figuras que estão sendo lembradas e homenageadas por este blog no ano do Centenário de Juazeiro do Norte. 



Primeira Comunhão, um momento inesquecível

 Hoje, 28 de agosto, se comemora o Dia do Catequista, homenagem que a igreja presta a todos os leigos que se dedicam a ensinar a palavra de Deus. A missão do catequista é a de cultivar uma profunda espiritualidade alicerçada na palavra de Jesus, nos sacramentos e na vida em comunidade. Neste dia ele recebe de milhares de pessoas, a gratidão, a amizade, o apreço pela sua presença marcante na educação da fé de crianças, adolescentes e adultos. Quero deixar registrado meu preito de gratidão aos catequistas, padre Cassiano (Ordem Salesiana) que catequizou Michel, meu filho; irmã Maria da Paz (Missionária de Jesus Crucificado), ministrou o catecismo para Daniel Junior, meu outro filho, e Maria Fernandes (dona Mariinha, que era Filha de Maria), que foi a minha catequista.   Aproveito a oportunidade e apresento para os leitores da coluna uma seleção de fotografias de indumentárias usadas nas décadas de 50 e 60 por crianças de ambos os sexos no dia festivo de sua Primeira comunhão e as fotos dos catequistas citados, todos falecidos.

 
 


E-MAILS RECEBIDOS:

- O texto enfocado na coluna anterior despertou muito interesse dos leitores, alguns dos quais fizeram comentários através de telefonemas, e-mails e através de bate-papo pessoal com a colunista. Abaixo transcrevo dois e-mails recebidos:
Muito interessante , enriquecedor esse assunto. Pena que a mídia eletrônica destruiu essas brincadeiras tão divertidas, e os nossos gestores culturais não atentem para isso.Lembrei das renovações e da brincadeira de "passar o anel".Ah, na brincadeira de Boca de Forno a gente falava assim:
Boca de forno ? forno
Jacarandá ? já
Quando eu mandar / Vou
E se não for? ? Apanha
Maninha, maninha mandou (aí diz a tarefa).
Anônimo
Resposta: Foi muito enriquecedor o seu comentário, realmente a gente brincava mais com esta sua versão.

- Lendo seu artigo de domingo passado, não pude deixar de me deliciar com as lembranças da minha e da nossa infância, e me veio a mente todas aquelas brincadeiras: Bicherinha, liga, pique-esconde, do anel, carimbar, macaca, e, por aí vai....são tantas não é verdade?O que me deixa triste é que as crianças dessa nova geração pouco sabem dessas brincadeiras. Era uma época muito boa e feliz, na verdade nem nos preocupávamos com nada. Continue nessa viagem de recordações e magia, que muito aquece nossos corações.
Um beijo grande da prima,
Marleide Barbosa Guimarães, Fortaleza, Ceará



sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Juazeiro ganhará mais um grande empreendimento imobiliário


Será logo mais, às 20h, no Hotel Verde Vale, o coquetel de lançamento do Central Park, complexo arquitetônico com duas torres, sendo uma residencial em frente ao Cariri Shopping e outra comercial, em frente ao hospital Regional Monsenhor Murilo.
Na Residencial são 66 apartamentos, sendo 64 apartamentos com 03 dormitórios e 02 apartamentos coberturas; Deck, piscina, campo society, área de convivência, sala de jogos, brinquedoteca, salão de festas com copa de apoio, recepção, sala de vídeo (home teather), fitness academia) espaço zen. Além de opções de plantas baixas. Na Comercial são 234 salas, 08 lojas térreas e salão de convenções para realização de eventos, seminários e outros, com vista panorâmica.
Este empreendimento imobiliário é resultado de uma parceria fechada entre a construtora juazeirense CRC e o empresário Manoel Salviano Sobrinho. É o Juazeiro moderno que não para de crescer!

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Padre Cícero e a família Crajubar

Está marcado para o dia 31 do corrente mês, no Sesc, às 19h, o lançamento do livro PADRE CÍCERO ROMÃO BATISTA E A FAMÍLIA CRAJUBAR, de autoria da professora Laudecy Ferreira.

BIOGRAFIA: Maria Laudecy Ferreira de Carvalho é cearense de Nova Olinda. Graduada em pedagogia pela Universidade Regional do Cariri –URCA- Crato - Ceará, Pós-graduada em Psicopedagogia pela Universidade Vale do Acaraú –UVA- Iguatu-Ceará e Especialista em Administração Escolar pela Universidade Regional do Cariri – URCA- Crato –Ceará. Professora e Agente Leitura, da Educação Infantil ao Ensino Médio, em escolas públicas e privadas de São Paulo-SP, Juazeiro do Norte, Ceará – Sobral, Ceará- Iguatu, Ceará e Fortaleza - Ceará. Recebeu Prêmios / Troféus Empresa Cidadã; Prêmio Mais Cultura de Literatura de Cordel 2010 – Edição Patativa do Assaré - MinC; Gestão Empresarial de Qualidade, Produtividade e Competitividade pela (FNQ- Fundação Nacional da Qualidade - SEBRAE-GERDAU-Governo do Estado do Ceará-MBC, Movimento Brasil Competitivo -SESI- FIEC). Participação nos jornais: Jornal O Povo, Diário do Nordeste, A Folha, A Praça, e nas revistas: Brasil + -Brasília - DF, Iguatu Magazine- Iguatu- CE, Varal do Brasil -Genebra- Suíça;Grupos de Estudos Literários- UFC. Abraço Literário-SESC, Fortaleza - Ceará - Antologia Estações da Palavra - ACE -Associação Cearense dos Escritores, Cordel As Palavras Mágicas - SESC - CE; Academia de Letras dos Municípios do Estado do Ceará – ALMECE. Participou de recitais autorais do Abraço Literário – O Desejo de Contar nas Terras de Nosso Lugar - SESC- FORTALEZA - CE; ALMECE – A Mangueira; Associação Cearense dos Escritores- ACE – com a poesia Eu a Biblioteca; SESC – CE – Poemas do Aprender Fazer Fazendo e da TVC –TV Ceará – Papo Literário: O Jeito Diferente de Ensinar com a Poesia. Autora de livros didáticos, Coleção: APRENDER FAZER FAZENDO - 3 volumes –Educação Infantil; Livro paradidático: Padre Cícero Romão Batista e a Família CRAJUBAR.  

PerCursos Urbanos estreia no Cariri com a temática da fotografia popular


Depois de oito anos de experiência em Fortaleza, o projeto PerCursos Urbanos chega ao Cariri. A primeira atividade acontece sábado, dia 27, às 15h, no Centro Cultural Banco do Nordeste
E de repente em um sábado à tarde, a cidade se torna uma fonte inesgotável de saber, e a rua se transforma em verdadeiro palco para a troca de conhecimento. Um ônibus urbano, repleto de pessoas interessadas e interessantes, parte em busca de um tema. O projeto tem nome, data e local. PerCursos Urbanos: todo último sábado do mês, um novo tema. A condução sai às 15h, no Centro Cultural Banco do Nordeste, de Juazeiro do Norte.
A atividade chega ao Cariri após uma trajetória bem sucedida e consolidada de oito anos em Fortaleza. Lá, os responsáveis pela produção e execução são a ONG Mediação de Saberes e o CCBNB. No Juazeiro, o PerCursos Urbanos ganha um novo parceiro: a Universidade Federal do Ceará, Campus Cariri, por meio de um projeto de extensão do curso de Comunicação Social – Jornalismo. O PerCursos Urbanos já aconteceu de forma extraordinária nas cidades de São Paulo, Porto Alegre e Rosário, na Argentina.  
O objetivo principal do passeio de sábado à tarde é conhecer a diversidade cultural urbana existente na região do Cariri. O projeto pretende contemplar temas e públicos heterogêneos, com níveis de renda muito diversificados, de diferentes segmentos sócio-culturais. Assim, a cidade “cresce”, tem sua percepção favorecida, tornando-se mais cosmopolita, ciosa de sua pluralidade e diversidade. O PerCursos funciona como um fórum de discussões sobre os desafios e as potências da região. Para participar, deve ser feita inscrição na recepção do Centro Cultural Banco do Nordeste.
Ao escolher um tema por mês, o PerCursos Urbanos exerce o papel de trocas de saberes diversos, tornando-se um exemplo de educação popular e informal. Cada edição recebe um convidado ou uma convidada, com notório saber sobre o assunto, que funciona como um mediador ou uma mediadora a respeito da temática. O objetivo é que os passageiros e as passageiras possam dar seu depoimento. Assim, todos e todas, ao mesmo tempo, ensinam e aprendem.
A cidade funciona como um livro aberto; o ônibus lê e escreve os diversos textos possíveis sobre o tecido urbano. Trata-se de um ônibus urbano popular, semelhante ao de linha. Quase na altura do nível da rua, não cria uma hierarquia entre quem está dentro e está fora; as cadeiras baixas permitem que todos conversem e troquem conhecimento entre si, deslocando o lugar de quem ensina e conta para a coletividade; os vidros transparentes e um pouco de calor não permitem que a condução se transforme em uma cápsula protegida e distanciada do ser da cidade.
Do Lambe-Lambe ao Photoshop é a temática do primeiro PerCursos
Para que um estúdio pomposo quando se tem a cidade como cenário? Nas praças, igrejas, festas e ruas, os fotógrafos populares emolduram e perenizam a cidade com suas máquinas. “Esses fotógrafos registram o cotidiano de pessoas da cidade, romeiros e romeiras em busca da realidade através do imaginário popular, esses cenários proporcionam fotografias de recordações da fé, da família e da cidade de Juazeiro do Norte”, explica Nívia Uchoa, fotógrafa e mediadora do primeiro PerCursos Urbanos.
No próximo sábado, dia 27, vamos aprender um pouco da história da fotografia popular em Juazeiro com grandes mestres na área. Se a arte de registrar o presente se iniciou com os famosos lambe-lambes, prática ainda hoje existente, a fotografia acompanhou a tecnologia e não dispensa o photoshop para fazer seus retratos pintados, ou aquele retoque para arrematar a foto. No mês da fotografia, convidamos você a levar sua máquina caseira e, conosco, registrar o início de um projeto que muito tem a aprender com a região do Cariri.
Serviço:
Do lambe-lambe ao Photoshop – primeira edição do projeto PerCursos Urbanos.
Sábado, às 15h, no Centro Cultural Banco do Nordeste (Rua São Pedro, 337)
Informações: (88) 3512-2855 ou (88) 88631411

Contato para imprensa:
Nívia Uchôa, mediadora do mês de agosto – (88) 9612-7485
Tiago Coutinho, professor do Curso de Comunicação Social Jornalismo, e coordenador do projeto PerCursos Urbanos no Cariri – (88) 8863-1411
Júlio Lira, diretor da ONG Mediação de Saberes e idealizador do projeto PerCursos Urbanos – (85) 8870-0227
Currículo de Nívia Uchôa
Nívia Uchôa, fotógrafa há de 18 anos, atualmente é professora substituta na Universidade Regional do Cariri. Pesquisa fotógrafos de praças, jardins e da fotopintura. Entre suas principais exposições estão: Bienal de Artes do Cariri, Nas Cores da Terceira Idade, Gentes do Cariri, À Luz de Pacoti, Poema das Águas e Água pra que te quero! Atuou como curadora das exposições de Artistas Visuais na Mostra Cariri das Artes, Juazeiro como te vejo, Fotografia Popular, Ladeira das Cores. Tem participação em publicações como Memória do Caminho, de Oswald Barroso; Guia turístico cultural, do Estado do Ceará; De Corpo e Alma Theatro José de Alencar. A fotógrafa também atua na linguagem audiovisual, com direção de fotografa, diretora e still. Nívia participou de documentários como Quero viver igual a um beija flor, Catadores de Pequi e Água pra que te quero!
 Lenin Falcão
Gerente
Banco do Nordeste
Centro Cultural Cariri - Juazeiro do Norte
Tel.: (88) 3512 2855 / Cel. 88 8802 0362

domingo, 21 de agosto de 2011

Padre Cícero em Maracanaú

Em Maracanau,num encontro de Gestores de Segurança Alimentar e Nutricional encontro com essa maravilha. Uma imagem do Pe Cicero que faz os moradores daquela cidade se encontrarem continuamente com a nossa história. (Pautilia Ferraz)
IMG_6691.JPG

WB pelo twitter enfatiza que PRB terá candidato próprio em CG


Ex-deputado WB exalta Juazeiro do Norte como exemplo, faz críticas aos Governos e enfatiza que PRB terá candidato próprio em CG
WB pelo twitter enfatiza que PRB terá candidato próprio em CG



O ex-deputado Walter Brito Neto publicou no seu twitter duras críticas aos governos, estadual, federal e municipal de Campina Grande e enfatizou a cidade de Juazeiro do Norte como um exemplo a ser seguido por Campina no que diz respeito ao desenvolvimento.
"Podemos dizer que Juazeiro do Norte é hoje um modelo a inspirar Campina Grande. Também pertence a Juazeiro do Norte o maior polo calçadista do Norte-Nordeste e o terceiro maior do país, esse lugar deveria ser de CG!". 

COMENTÁRIO:

AMIGOS DO JUAZEIRO DO NORTE:



OS HOLOFOTES DO BRASIL E DO NORDESTE APONTAM PARA A MECA DO CARIRI, NUNCA SE FALOU TANTO  EM JUAZEIRO DO NORTE.  É O  PADRE COM A SUA MÃO E UM POVO TRABALHADOR. AVANTE JUAZEIRO, A ESTRADA É LONGA E MUITOS ACOMPANHAM A SUA CORRIDA.   COMO É BOM SER DE JUAZEIRO, COMO É BOM.  EU FALO PARA O MUNDO TODO.  COMO É B OM SER JUAZEIRENSE.
O JUAZEIRENSE PRECISA DE EMPREGO COM SALÁRIO BÁSICO ACIMA DO MÍNIMO, PRECISA DE EMPRESAS MAIS SOFISTICADAS E QUE EMPREGUEM MÃO DE OBRA QUALIFICADA.
ESTE MÊS A INDÚSTRIA DE CAMAÇARI BAHIA CRIOU 1430 EMPREGOS COM SALÁRIOS ACIMA DE 2.500,00 REAIS. É A INDÚSTRIA PESADA INVESTINDO NO MUNICÍPIO.
JUAZEIRO PRECISA FABRICAR MÁQUINAS AGRÍCOLAS, BICICLETAS, MOTORES, PNEUS E OUTROS PRODUTOS DE ALTO VALOR AGREGADO.
ENQUANTO NÃO ACONTECE, QUE VENHAM AS MANUFATURADAS DE CONSUMO RÁPIDO- ROUPAS, CALÇADOS E A INDUSTRIA DO COURO.
ACHEI IMPORTANTE O POLO QUE FABRICA MATERIAIS A BASE  DO ALUMÍNIO- PURO E RECICLÁVEL, BASTA PROPAGAR PELO BRASIL AFORA, ESTA INDUSTRIA É INTELIGENTE: CAFETEIRA, BULES, CHURRASQUEIRAS E ETC. BASTA UMA VITRINE.
MACHO VELHO DE CAMPINA GRANDE, CAMPINA É PARCEIRA DE JUAZEIRO, CAMPINA GRANDE É UMA DAS IRMÃS QUE JUAZEIRO MAIS GOSTA.
FEIRA DE SANTANA-JUAZEIRO DO NORTE-PETROLINA, CARUARU E IMPERATRIZ SÃO PARECIDAS.   VIVA O SERTÃO E PÉ NA ESTRADA DE MÃOS JUNTAS PELO NORDESTE BRASILEIRO.

IDERVAL TENÓRIO

BLOG  http://WWW.IDERVAL.BLOGSPOT.COM

EMAIL          driderava@bol.com.br  33419630(71)

sábado, 20 de agosto de 2011

Brincadeiras do meu tempo de criança - I
  Amanhã se comemora o “Dia do Folclore”, por esse motivo achei interessante colocar na Coluna desta semana brincadeiras que fizeram parte da minha infância e da de vocês também, e que hoje caiu em desuso. Essas brincadeiras que foram passando de gerações e que aprendemos com os nossos pais, nas escolas e com os nossos amigos. Lembram-se do Chicote queimado? Escolhia-se um objeto para ser o chicote queimado, um pedaço de corda, cinturão ou um lenço enrolado. Os participantes da brincadeira cobriam com as mãos os olhos, enquanto outra criança escondia o chicote. Os participantes saíam à procura do chicote já com os olhos destampados. Começa, então a procura, todos se espalham e à medida que alguém se aproxima do objeto, a pessoa que escondeu o chicote diz “está quente”; quando  está longe diz “frio, geladeira”. E as informações continuam, esquentando ou esfriando conforme a distância. E quando está muito perto do chicote, responde gesticulando, com as mãos balançando, e exclamando “tá pelando”. Quem encontra o chicote, pega e sai correndo atrás de outra criança. Aquela que for tocada levemente pelo chicote será a próxima a escondê-lo. Era uma brincadeira sadia e divertida.

Boca-de-forno, outra brincadeira que nos divertia muito. Escolhia-se uma criança para iniciar a brincadeira, sendo chamada de Mestre e coloca-a ao centro da roda. Ela começa o jogo dizendo: - Boca de forno? Todos respondem: - Forno!- Tirando o bolo? A resposta:- Bolo! - Farão tudo que seu mestre mandar? Todos repetem:- Faremos!
- E se não fizerem?  Respondiam: - Ganharemos bolo!
- O Mestre ordena que seus subordinados executem a tarefa que ordenar, como: beijar um poste, dar "boa noite" a alguém que passava na rua, trazer um objeto de sua casa, se ajoelhar no meio da rua (pedra ou paralelepípedo), esta tarefa ralava os joelhos, mas tinha que obedecer, caso contrário era castigado. As crianças partem em direção ao alvo, cumprem a tarefa proposta pelo Mestre e voltam em disparada, pois o último que chegar leva bolos e fica na espera do castigo que receberá. Antes de aplicar o bolo o Mestre pergunta: - Que tipo de bolo vou dar nesse aqui? E quantos? E todos dão palpites. Mas o mestre diz a palavra final. De que tipo seriam os bolos: de padre: bate-se levemente e diz: não cometa mais isto! De tia: finge que vai bater com força e bate leve. De mãe: bate severamente. De pai: bate forte (era o mais forte!). Estes bolos eram aplicados na mão direita do perdedor.

Jogo das cinco marias ou de xibiu, brincadeira exclusiva de meninas, meninos não tinham vez. Noutros lugares brinca-se com pedrinhas escolhidas do mesmo tamanho, mas em nossa região, o Cariri, por possuir muita macaubeira, usa-se o fruto desta planta  a macaúba, na forma de bago, ou xibiu como é mais conhecido popularmente. O bago é a macaúba sem a parte comestível. Dentro do bago ainda tem outra parte comestível, que é o coco. Para que o jogo aconteça forma-se uma roda de meninas, sentadas no chão, e sorteia-se a que iniciará a brincadeira. No início da brincadeira, ou primeira rodada, jogam-se todos os xibius no chão e retira-se um deles (normalmente se tira o que está mais próximo de outro). Depois, com a mesma mão, joga-a para o alto e pega-se um dos que ficaram no chão. Repete-se o procedimento até pegar todos os xibius. Segunda rodada: joga os cinco xibius no chão, depois tira um e joga-o para o alto, porém desta vez pegam-se dois xibius de uma vez, e mais o que foi jogado para o alto. Repete. Terceira rodada: cinco xibius no chão, tira um e joga-o para o alto pegando desta vez três xibius e depois o que foi jogado. Última rodada: joga-se o xibiu para o alto e pega-se todos os que ficaram no chão. 
O número de pontos a ser atingido deve ser combinado entre os jogadores, e nessa contagem é que se conhece o ganhador da brincadeira. Nesta brincadeira me deleitava dias e dias, as costas doíam, devido a posição, mas nada disso me impedia de brincá-la. É bom enfatizar também que a disputa era grande porque havia vários participantes e demorava muito a chegar a vez do próximo quando participavam grandes campeãs.
Nas fotos abaixo vemos o manuseio dos xibius e a macaúba com a parte comestível e na forma de xibiu. 



O tema da Coluna sobre frei Damião gerou mais informações que escaparam da minha memória e aproveito para agradecer as contribuições de Marizete Carneiro e Lourdes Marques. Elas lembraram de outras informações que tiveram um papel muito importante nas missões do frade. Lourdes me forneceu um livrinho contendo a música citada abaixo. Marizete lembra que muito criança o acompanhava, ele na frente andando bem apressadinho e cantando:
                                          Vinde pais e vinde mães,
                                          Vinde todos a missão
                                           para cuidar como cristãos,
                                           de alcançar a salvação.

                                           Pecador arrependido,
                                           pobrezinho pecador
                                           vem abraçar-me contrito,
                                           sou teu pai, teu Criador.

                                           Ovelhinha desgarrada,
                                           nas vagas da solidão
                                           volta, volta, mas não sigas
                                           as vias da perdição.

                                           Para lavar as nossas culpas
                                           morreu Cristo numa cruz.
                                           Vinde pais e vinde mães
                                           quem vos chama é o bom Jesus.
                                          
                                            Ouvi, pais, os nossos rogos!
                                            Ouvi, mães, nosso bradar!
                                            Pois uma alma a temos todos.
                                            E o que importa é se salvar.

                                            Vossos filhos vo-lo pedem,
                                            vinde todos a Missão               
                                            vinde por amor de Deus,
                                            para cuidar da salvação.