terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Falecimento de Faísca, o Mago da tesoura


Faleceu em Juazeiro e será sepultado hoje o Sr. José Ribeiro, aos 98 anos, mais conhecido pelo apelido de Faísca. Quem passava pela Praça Padre Cícero nas décadas de 60 e 70 certamente vislumbrou alguns dos seus trabalhos, que eram verdadeiras obras de arte esculpidas a base de tesoura nos pés de benjamim. Aviões, hóstia, coelho, porco, aves etc. saíam da sua imaginação, tudo dentro dos ensinamentos que aprendeu do seu antecessor, Mestre Amorim. Faísca era uma espécie de Mago da tesoura. Ele é natural de Cajazeiras, veio morar em Juazeiro do Norte onde ingressou no serviço público municipal como vigia de praça, na administração do prefeito José Monteiro de Macedo, e ao morrer estava aposentado. Quando perguntavam sobre a razão do apelido, explicava: “É porque eu era muito ligeiro, feito faísca. Quando me procuravam num lugar eu já estava em outro”.  Faísca era pessoa muito conhecida e querida. Eu e outros meninos que o conheceram na época de 60 e 70 guardam dele as melhores recordações. Abaixo, uma foto da Praça Padre Cícero na qual são vistos  alguns pés de benjamim com desenhos esculpidos por ele. Uma obra de arte!

Um comentário:

IDERVAL TENÓRIO disse...

Amigos juazeirenses,eu sou do tempo do meu querido FAÍSCA na pracinha defronte a minha casa,qunado menino era Físca o jardineiro,o vigia e tudo na pracinha do Cinquetenário."NÃO PISE NO JARDIM QUE LA VEM FAÍSCA""PEGA A BOLA QUE LÁVEM FAÍSCA" "OH FAÍSCA AÍ MENINO,PEGA A BOLA" esta foi a mais feliz das infancias que uma criança pode ter.Juazeiro do Norte,bairro do socorro,praça do cinquentenário e uma grande familia. Faísca e cabo Dida fazia parte desta grande família. Que Deus o acolha com todo o respeito que o Faísca merece.Iderval Reginaldo Tenório
http://www.iderval.blogspot.com