sexta-feira, 20 de março de 2015

Esporte olímpico é novidade nas escolas de Juazeiro no combate ao trabalho infantil

O rugby é uma modalidade esportiva que vem ganhando adeptos no Ceará e estará na Olimpíada do Rio no próximo ano. Em Juazeiro, a partir deste ano será disseminada entre crianças e adolescentes da rede pública municipal como estratégia de combate ao trabalho infantil. Trata-se de uma parceria entre as secretarias de Educação e de Esporte e Juventude do município, Ministério Público do Trabalho no Ceará e a Universidade Federal do Cariri.

Recentemente, a coordenação do projeto “Rugby nas Escolas: de mãos na bola para driblar o trabalho infantil” se reuniu para definir como será feita a compra de equipamentos e a capacitação de monitores e profissionais de educação física que atuarão junto aos alunos. Segundo a coordenação, o esporte passará a ser praticado em 48 escolas de Juazeiro ainda este ano alcançando um público de mais de 1,2 mil praticantes.

Cada escola municipal deve receber, até o mês de abril, um kit com o material necessário à versão olímpica do Rugby, praticada por equipes de sete jogadores. O kit inclui bola, cintos e pratos desportivos e custará R$ 516,00 por escola, enquanto, no fim do ano, um evento reunirá os participantes do projeto. O professor da UFCA, Neumayer Filho, coordena o Rugby nas Escolas e ressalta o caráter social ao ocupar as crianças e adolescentes em atividades esportivas. (ASCOM/PMJN)

Um comentário:

IDERVAL REGINALDO TENÓRIO Tenorio disse...

O ESPORTE AMADOR PEDE SOCORRO- O BRASILEIRO PERDEU COM A COPA.



O Brasil se prepara para a copa de 2014.
O mundo passa pela maior crise financeira dos últimos 100 anos, segundo os especialistas, maior do que a crise de 1929.

É com este cenário que se discutem os investimentos na área esportiva em detrimentos das áreas nobres que engrandecem um povo (Saúde,Esporte Amador Educação e Cultura).


Os outros setores como segurança, transporte e moradia são derivados destas mencionadas áreas nobres classificadas por este mortal.


É natural e motivo de orgulho uma nação sediar um grande evento, como também é natural e motivo de orgulho quando este evento traz, promove e deixa bons legados após a sua realização. É exatamente o quer faz o Esporte Amador nas Escolas.

Iderval Reginaldo Tenório


Eu sou brasileiro, penso no futuro do povo, penso num Brasil mais igual, penso numa nação para todos.

Pensem e reflitam sobre o assunto, estudem outras matérias e discutam com os amigos, coloquem nas suas pautas.

Eu sou pela copa, Eu sou pelo Brasil. Eu sou pelo povo. Eu sou pelo emprego dos recursos na Educação, inclusive no Esporte Escolar e no Esporte Amador. O Esporte Comercial tem força para se manter.


Brasil , diga sim a mais recursos para Saúde, Educação e Cultura, os frutos virão de safra em safra e o maior produto será o engrandecimento do ser humano.

O Futebol profissional é adulto, é comercial, é pecuniário, tem pernas próprias, tem os seus arquimilionários e deveria sim, investir parte dos seus lucros no esporte escolar, amador e em todas as atividades da educação e não o contrário, sugarem o pouco que resta para o povo.


Iderval Reginaldo Tenório