sábado, 24 de janeiro de 2015

Morreu Escurinho



Faleceu na madrugada de hoje, em Juazeiro do Norte, aos 78 anos de idade,  Francisco de Assis Ferreira Lopes, mais conhecido como Escurinho. Ele foi radialista, funcionário da ex-Celca, Prefeitura Municipal de Juazeiro e professor da extinta Escola Técnica de Comércio. Como radialista começou sua carreira no antigo CRP e depois ingressou na Rádio Iracema, onde se tornou bastante conhecido como apresentador do programa humorístico Coluna da Hora, comandado pela dupla Xexéu e Cajarana, apelidos dos locutores Alceli Sobreira (Xexéu) e Cajarana (ele).  O programa fazia crítica às administrações municipais   e mostrava as reivindicações da população. O auge do programa foi nos anos 60.  Escurinho irradiava simpatia e sempre foi muito querido pelos seus colegas de trabalho. Dois filhos seus seguiram carreira radiofônica: Fernando Martins e Francisco de Assis Ferreira Lopes Junior.
O corpo de  escurinho está sendo velado no Anjo da Guarda, onde haverá missa às 15 horas, e em seguida o sepultamento que o correrá no Cemitério do Socorro. 
Aqui vemos Escurinho com a cantora Vanderleia num show na Quadra João Cornélio, no auge da Jovem Guarda, anos 60
 
Escurinho e Alceli fazendo uma apresentação ao vivo da dupla Xexéu e Cajarana fora do studio da Rádio Iracema.

Um comentário:

IDERVAL REGINALDO TENÓRIO Tenorio disse...

Meu querido professor, amigo, irmão, embaixador e grande defensor da nossa Juazeiro Daniel Walker, quando digo por onde ando que a nossa cidade é um dos maiores celeiros histórico, folclóico, artístico, cultural e religioso do país edo mundo, não estou aumentando em nada e nem sendo bairrista, estou apenas divulgando a verdade . O Rádio Juazeirense tem sido diferente do radio braseleiro, os profissionais na sua grande maioria são oriundos de núcleos culturais, cursam o ciclo superior e quando não vêm destes núcleos são verdadeiros artistas, não citarei nomes porque seria injustiça para com os outros, apenas lembro o Daniel Walker, Wilton Bezerra, José Boaventura, Luiz Carlos e o nosso amigo José Carlos Pimentel, os que adentram e adentraram possuem outra verve, a verve artista e cultural, são escritores, compositores, músicos, comediantes, folcloristas e cordelistas . Nesta matéria sobre o inesquecível Escurinho, peço vênia e faço um adendo, Escurinho foi em matéria, porem, deixará gravado na mente da juventude do cariri verdadeiras aulas de cidadania, para muitos o programa era de humo,mas para os que tem juízo, para os gestores municipais, de autarquias,igrejas, escolas e empresas eram verdadeiras aulas. Vai com ele toda uma juventude do Juazeiro do Cariri que só ia para as aulas depois do Xexeu e Cajarana, muitas vezes os estudantes paravam nas esquinas para se deliciarem com a mais importante revista falada do radio cearense.
Escurinho meu mano, muito obrigado ,as suas aulas são hoje para este mortal o alicerce de muitos debates que tenho participado.
Daniel Walker e Renato Casimiro, vocês são meus Gurus.
Iderval Reginaldo Tenório