domingo, 21 de fevereiro de 2016

Radiofonia juazeirense de luto: faleceu radialista Wellington Oliveira


Com muita tristeza noticiamos o falecimento do nosso amigo radialista Wellington Oliveira. Ele foi vítima de ataque cardíaco fulminante, em sua residência, foi socorrido, mas não resistiu, chegando morto ao hospital. Wellington tinha 65 anos de idade (completados no dia 21 do mês passado), começou sua vida radiofônica na Rádio Progresso de Juazeiro, inicialmente na função de controlista de som e somente depois foi que passou a fazer parte do quadro de locutores da emissora. Versátil, atuou como redator e apresentador de notícias, apresentou programa sertanejo (forró), comandou equipe  esportiva e atualmente era o locutor mais antigo da emissora. Wellington tornou-se também muito conhecido por ser o locutor que transmitia a missa da Matriz de Nossa Senhora das Dores, e a missa do Padre Cícero, no dia 20 de cada mês, sendo muito amigo do saudoso Monsenhor Murilo de Sá Barreto, que tinha por ele profunda admiração e amizade. Brincalhão e popular,  granjeou muito cedo a simpatia dos seus ouvintes e era pessoa bastante conhecida em Juazeiro do Norte. O corpo está sendo velado no Anjo da Guarda e o sepultamento será amanhã em horário a ser ainda confirmado pela família, possivelmente no período da tarde. Wellington era casado com Dulce Oliveira com quem teve cinco filhos (um homem e quatro mulheres).

HOMENAGEM DE PAUTILIA FERRAZ

Lembrar de você, um amigo brincalhão, bem humorado e sempre com noticias quentinhas. Assim foi Wellington Oliveira integrante e amigo do ECC com sua companheira Dulce. A sua voz permanece na memória do povo juazeirense nos anunciando pela Rádio Progresso a missa das 6h na Matriz. No facebook em dia 03 de dezembro de 2015, por ocasião dos 10 anos de passagem do grande amigo Padre Murilo nos relatou momentos de sua história : "Cheguei na Rádio Progresso em 68 e em 69 começou a nossa amizade até sua partida para casa do PAI. Só me confessei com Padre Murilo uma vez, quando fui me casar. Depois, todas as manhãs de segunda a sábado, às 5 horas, falávamos de tudo: Religião, Futebol, Política e algo mais para completar o cardápio, por isso ele já sabia da minha vida até demais. Fizemos várias viagens para Alagoas e São Paulo (Rádio Atual)"... em 4 de dezembro de 2005 ... Era justamente 5 e 30 da manhã, conversamos um pouco e sua irmã Libânea me deu as informações precisas, dizendo que o seu irmão MONSENHOR MURILO, tinha falecido as 5 horas e somente as 5 e 30 o Hospital tinha liberado a noticia. Na minha profissão de Radialista foi o momento mais difícil, mas pedi forças a Deus e ao Padre Cícero e consegui dar a noticia e era justamente 10 minutos para as 6 horas daquele domingo. Dado a noticia pela Rádio Progresso, o que se ouviu foi o repicar dos sinos de todas as IGREJAS anunciando a morte do Vigário do Nordeste PADRE MURILO DE SÁ BARRETO." ... 
Assim,  nos deixam surpreendidos com sua partida súbita o amigo Wellington Oliveira. À amiga Dulce e familiares nosso abraço do ECC . Pautilia e Nicanor, Pedrina e Val, Didalia e Plinio, Tereza e Gilmar, Verinha e Balbino e tantos outros do nosso convivio . Parte em Paz.
Memória fotográfica





 

2 comentários:

Unknown disse...

Grande perda pra radiofonia nordestina era uma pessoa muito querida por todos meu pai frança lima trabalhou com ele na progresso decada de 80 vai com Deus amigo

José de Arimatéa dos Santos disse...

Foi um grande radialista e com seu jeito brincalhão divertia a todos que escutavam seus programas. Lembro-me que ele fazia um programa esportivo pela manhã e quando um time levava uma goleada ela dizia:
- Tome. Quer mais!
A radiofonia do cariri está de luto.